Assuma o controle sobre o que te acontece – Eu Controlo


Assuma o controle sobre o que acontece contigo, se responsabilizando pelo que te acontece.

Pode parecer loucura mas isso funciona e vou te contar porque neste artigo.

A Responsabilização

Esse é um conceito muito importante e por isso escolhi esse tema como o primeiro post desse novo blog.

Mas vou te ser sincero, não foi fácil no começo.

A mania de reclamar do que acontece é um vício.

E esse vício impede que você assuma o controle sobre o que te acontece.

O conforto emocional que a reclamação traz é muito difícil de superar no começo.

E como diz um mentor meu: “Vai ficar pior antes de melhorar!”.

Mas o resultado é que você começa a entender que reclamar não vai te ajudar a resolver.

Mas existe um primeiro efeito colateral da Responsabilização e esse efeito é a Culpa.

Eu gravei até um vídeo falando sobre isso que pode te ajudar a superar esse desafio.

Resultados

Você pode estar pensando: “o que eu ganho ao me responsabilizar sobre o que me acontece?”.

Na verdade eu me fiz essa mesma pergunta muitas vezes antes de acreditar que isso realmente ajudava.

O fato é que ao reclamar de algo externo nos colocamos na posição de vítimas de algo ou alguém.

Nessa condição somos dependentes desse algo ou alguém mudar para que possamos ficar bem.

Essa condição é muito perigosa, pois ela nos faz acreditar que há coisas na vida que não somos capazes de superar.

Quando efetivamente assumimos o controle e nos responsabilizamos, passamos a pensar diferente.

Entendemos que só depende de nós mesmos achar uma solução para o desafio que enfrentamos.

Paramos de nos fazer de vítima das circunstâncias e nos colocamos na posição de comandantes da nossa própria vida.

Eu gravei um outro vídeo justo num momento em que eu estava aplicando esse conceito para você entender como funciona na prática.

Ele pode te ajudar a colocar já essa ideia para funcionar na sua vida e começar logo a colher os frutos.

Mudança Profunda

Mas não se engane em pensar que basta se responsabilizar para resolver os problemas.

Você precisa entrar em ação e as suas ações devem ser boas ações, ações que te ajude ao invés de atrapalhar.

Eu explico mais detalhadamente esse processo de melhoria de vida num livro digital que eu escrevi “Os 7 Passos da Superação“.

Você pode baixar esse livro gratuitamente se inscrevendo nesse link.

Além desse livro que pode de dar uma ideia geral de como resolver os seus problemas, eu tenho também um programa mais direto.

Chama-se “101 Frases de Reflexão” e tem como finalidade ajudar pessoas que queiram mudar rapidamente seu modo de pensar.

“Mas para que mudar o meu modo de pensar?”, você pode estar perguntando.

E eu digo que, a forma como nós agimos automaticamente depende totalmente da forma que nós pensamos normalmente.

Se queremos ter resultados diferentes dos atuais, precisamos pensar diferente também.

Por isso eu criei esse simples programa, para ajudar pessoas que queiram começar a pensar como as pessoas mais bem sucedidas em suas áreas.

Chamamos isso de modelagem, uma forma de assimilarmos de pessoas bem sucedidas as formas de pensar delas e assim gerar resultados parecidos.

Você pode adquirir esse programa em condições especiais clicando nesse link.

Eu espero que o conteúdo desse post tenha te ajudado.

Se for esse o caso eu vou te pedir 2 favores:

1- Compartilha esse posta em alguma das suas mídias sociais e me ajuda a levar essa mensagem para as pessoas que possam se beneficiar dele.

2- Deixa um comentário abaixo me dizendo como esse artigo te ajudou. Isso vai me deixar muito feliz e motivado para criar mais conteúdos de qualidade para você

Nos vemos adiantes.

Um abraço.

 


Sobre Felipe Baqui

Felipe Baqui é analista de sistemas, advanced coach, especialista em desenvolvimento pessoal, tecnologia e marketing digital. Enfrentou aos 22 anos, a falência traumática de sua empresa. 10 anos depois começou um processo de autoconhecimento que possibilitou que hoje ele trabalhasse ajudando pessoas em processos de superação de grandes problemas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *